Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Running VS Science

You are a product of science You run Running is a gift of science Um blog científico cheio de curiosidades sobre a corrida, conselhos para melhorar a performance e entrevistas fenomenais a casos reais de pessoas comuns que venceram na corrida.

22
Ago16

#TénisDeCorrida - Como escolher?

Nádia Santos

No passado post acerca da importância do reforço muscular, falamos da questão da força de impacto ser 2 a 7 vezes superior ao nosso peso durante a prática da corrida. Isto é, uma pessoa que pese 60kg, consoante a velocidade a que corre e o solo em questão, pode ter que suportar uma força de impacto no minímo de 120 kg e no máximo de 420 kg! Agora imaginem o que será suportar este tipo de força em milhares de passadas durante uma corrida!

A escolha de ténis adequados é um passo fundamental para os atletas, no entanto entre tanta oferta de mercado muitos corredores amadores optam por escolher consoante o preço, consoante o modelo ou consoante marcas.

Mas como escolher os ténis adequados?

Se são iniciantes na corrida e não têm qualquer conhecimento acerca desta questão, há vários factores que têm que ter em consideração para a escolha do vosso calçado. Esses factores vão desde as características anatómicas dos vossos pés, o vosso tipo de passada, o vosso peso, o piso e ritmo a que correm e a vossa história clínica em relação a lesões.

Geralmente, os testes de passada começam por ser o primeiro teste a fazer quando somos iniciantes de corrida e trata-se da forma como o atleta, em regra geral, faz o ataque ao solo. Estes podem ser realizados em diversas lojas desportivas como a Asics, Nike ou até mesmo em algumas lojas Sport Zone e são completamente gratuitos. No fim poderão obter um dos três diferentes resultados: passada neutra, pronadora ou supinadora.

Neutro: O ataque ao solo é feito de forma uniforme pelo calcanhar, para seguidamente na fase de apoio o peso concentrar-se no centro, assim como na fase de propulsão. É geralmente o tipo de passada mais comum e o desgaste dos ténis é uniforme.

Devem escolher ténis neutros ou marcados com “estabilidade”.

Pronador: O ataque ao solo é feito com o lado interno do pé. Os atletas deste tipo de passada podem até verificar um maior desgaste dos ténis na sua zona interna.

Devem escolher ténis que combinem “estabilidade” e “amortecimento” para evitar pronação excessiva.

Os corredores com este tipo de passada são mais facilmente lesionados nos joelhos e quadril quando não usam o calçado correcto.

Supinador: O apoio e propulsão concentram-se na zona externa o pé. Os atletas deste tipo de passada podem até verificar um maior desgaste dos ténis na sua zona externa.

Devem escolher ténis normais para estimular uma passada normal. É o tipo de passada menos comum.

 

passada (2).jpg

 

Depois de saberem qual o vosso tipo de passada e quais os tipos de ténis adequados, podem já começar a escolher em relação aos outros parâmetros. O peso e ritmo é também muito importante, uma vez que quanto mais pesados somos, maior a força de impacto no músculo e portanto maiores terão que ser os amortecedores dos ténis. A vossa história clínica também é muito importante. Eu, por exemplo, escolhi uns ténis com muito bons amortecedores porque tenho história de lesão no joelho.

 

Quanto às marcas... Deixo-vos a minha opinião geral.

Não sou fã de nenhuma marca em particular. Conheço casos de corredores que preferem Asics ou Adidas e quase que só compram a sua marca favorita. No meu caso, prefiro avaliar todos os modelos de todas as marcas que vão de acordo às minhas características enquanto corredora. Começo por procurar o meu tipo de passada, ténis com bons amortecedores e ideais para treinos de 1h, 2 a 3 vezes por semana. A escolha dos ténis em particular já vai de acordo com o meu conforto no pé (ESSENCIAL!), o próprio modelo e cor dos ténis (admito que gosto de combinar as minhas leggins de corrida com os meus ténis... afinal, sou menina :p) e claro (MUITO IMPORTANTE) com o valor que estou disposta a pagar... Não sou de acordo que DEVEM comprar uns Asics a 150 euros SÓ “PORQUE SÃO BONS” e “DURAM MUITO TEMPO”. Talvez seja de facto verdade que pode muitas vezes compensar a qualidade vs preço. No entanto, apoio que se deve ter em consideração as capacidades de cada um. Afinal... A corrida é para todos J

Deixo-vos então os pontos que considero essenciais de como escolherem os vossos ténis:

  • O vosso tipo de passada
  • Os amortecedores consoante o vosso peso, ritmo e história clínica
  • O conforto no pé
  • O preço
  • O modelo

 

 

 

Espero que gostem das dicas e boa sorte na compra :)

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D