Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Running VS Science

You're a product of science, you run and running is a gift of science. Um blog científico cheio de curiosidades sobre a corrida, conselhos para melhorar a performance e entrevistas fenomenais a casos reais de pessoas comuns que venceram na corrida.

10
Jun17

Porquê que alguns atletas são mais rápidos que eu e treinam há menos tempo?

Nádia Santos

slow-and-steady-wins-the-race-298x300.jpg

Com certeza que já te perguntaste como é que aquele teu amigo ou amiga que corre há menos dum ano, consegue correr bem mais rápido do que tu que já és um "veterano". É certo que existem inúmeros fatores em ter em causa tais como a quantidade e tipo de treino, a alimentação, o descanso, o peso corporal... Mas e se tudo isso for idêntico entre vós e ele em menos tempo evoluiu muito mais do que tu???

Não te sintas mal! :) Existem algumas razões científcas por detrás... Some people were actually born to run faster than you :) 

 

Vamos começar por falar do VO2 Max 

O VO2 Max refere-se ao consumo de oxigéno que o atleta consome durante o exercício. Isto é, nem todos conseguimos conduzir de igual forma o oxigénio até às nossas células musculares. Algumas pessoas já nascem com um nível de VO2 Max mais elevado do que outras, permitindo-lhes assim uma melhor oxigenação e consequentemente um maior "suporte" a velocidades mais fortes. É um dos motivos pelo qual dois atletas iniciados, sem qualquer experiência de corrida, podem ter velocidades completamente diferentes. Um dos atletas, poderá, ter um maior nível de VO2 Max.

 

É possível aumentar o meu VO2 Max? Sim! Aliás, é uma consequência de quando começas a treinar. O teu melhoramento físico e aumento da velocidade acontece precisamente porque ocorrem mudanças fisiológicas que te permitem aumentar o teu nível de VO2 Max. Fazer treinos de velocidade (como o Treino de Séries) são uma ótima opção para aumentares o teu VO2 Max.

 

Mas existem mais fatores...

Outro fator pode ser o limiar de lactato, ou limiar de lactato VO2. Isto é, qual a taxa mais alta de oxigénio que eu posso usar até o o lactato (ou ácido láctico usualmente chamado) se acumular nos músculos.

Vamos considerar um exemplo... Dois atletas apresentam-se a correr a mesma distância de 10 km a um pace de 4'00min/km. O primeiro atleta tem um VO2 Max de 48 ml/kg/min, enquanto que o segundo de 55 ml/kg/min. Os dois esforçam-se igual? NÃO. Na verdade, se o atleta 1 começar a puxar demasiado pelo seu ritmo excendendo a capacidade de 48ml/kg/min de oxigénio, mais depressa entrará em metabolismo anaeróbio (sem oxgénio) e acumulará lactato (metabolito do metabolismo anaeróbio). Estão a ver quando excedem o vosso ritmo e as pernas naturalmente começam a abrandar? É o acúmulo de lactato a manifestar ;) 

Sendo assim, o atleta 2 aguentará mais tempo a velocidade a que se submete e acabará a prova primeiro que o outro.

 

GUID-B7C63914-6AC1-4A04-AD22-AA599756E6DE-high.jpg

 

 

É possível melhorar? Sim! Trabalhando na zona do limiar do lactato VO2 (mais um vez, treino de séries).

 

Mais um fator: Fibras musculares 

Sabe-se que o nosso corpo possui dois tipos de fibras: as de contração lenta e as de contração rápida! Atletas de velocidade (como os de 3000m pista, por exemplo), costumam ter grandes % de fibras de contração rápida! 

Alguma vez repararam que um amigo vosso atleta corre mais rápido que vocês, mas não suportam 42km e vocês sim? Pode ter a ver com as fibras... Provalmente, o vosso amigo terá maior % de fibras de contração rápida e vocês lenta, o que vos permite manter um pace calmo e constante durante muitos km e a ele um power tremendo em provas mais pequenas ;) 

 

Last but not least ... Biomecânica! 

Sim, a biomecânica dp vosso corpo é DEVERAS importante.

Já falamos inicialmente de questões como o peso, mas existem outros fatores tais como: a postura, a técnica, músculo mais ou menos desenvolvido... 

Vamos supor a seguinte situação: Dois atletas com o idêntico limiar de lactato VO2 e VO2 Max correm a 4'00 min/km. O primeiro atleta possui uma excelente técnica de corrida, um musculo desenvolvido e uma postura excelente. O segundo, por sua vez, possui uma passada pesada, curva as costas a correr e não possui músculo fortalecido.

Qual se cansará mais depressa?

O atleta 2, claro. Isto porque, toda a sua biomecânica não lhe permite fazer uma boa gestão de energia. O corpo usará a energia necessária da corrida para tentar compensar o cansaço das costas curvadas, o cansaço do músculo mal desenvolvido ou até mesmo da passada.

E sim... Alguns atletas possuem melhor biomecânica que outros.

 

biomecanica.jpg

 

Como melhorar a tua? Exercícos de postura, estabilidade, técnica de corrida, fortalecimento... (Ou em casos extremos de má postura, como anca desnivelada por exemplo, consultar especialista para correção profissional).

 

Como veêm, existem inúmeras razões para uns atletas evoluírem mais que outros... Same people were born to run :)

Não existem razões para te sentires mal contigo próprio. 

O teu único adversário és tu! Porquê? Porque és tu que podes melhorar todas estas condições no teu próprio corpo e fazer de ti um melhor atleta :) Mas NUNCA de iguales aos outros! 

 

Bons treinos e boas provas :) 

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D