Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Running VS Science

You're a product of science, you run and running is a gift of science. Um blog científico cheio de curiosidades sobre a corrida, conselhos para melhorar a performance e entrevistas fenomenais a casos reais de pessoas comuns que venceram na corrida.

23
Jul17

#CasosReais - Tomás Estevães

Nádia Santos

tomas perfil.jpg

 

Adivinhem que rubrica voltou?! 

Isso mesmo, o #CasosReais! :D E com ele, trago-vos o novo entrevistado: o Tomás! 

Com apenas 16 anos, o Tomás apaixonou-se pela corrida e pela competição, contendo já no seu "currículo" 5 pódios! 

Apesar de já correr desde 2014, foi em 2016 que se estreou em provas. Hoje em dia, é um apaixonado pelos trilhos. Um dos seus maiores sonhos é daqui a uns anos participar no Campeonato Nacional de Ultra-Trail ... E nós, vamos estar aqui a torcer! Fiquem a conhecer o Tomás :) 

 

QUANDO COMEÇASTE A CORRER? O QUE TE MOTIVOU?

 

Comecei a correr no Verão de 2014, corria muito pouco, ia a um “evento” que há a todas as Quartas-Feiras em Leiria durante a noite. Na altura não fazia ideia de quantos kilometros corria. Depois nas férias do Verão em 2015 foi igual e a partir de 2016 ao instalar uma aplicação de corrida é que comecei a ver quantos kimómetros fazia e em quanto tempo. O que me motivou penso que foi o prazer e a liberdade que sentia ao correr, mas também a evolução que fui vendo ao longo dos meses.

 

ESTREASTE-TE NO MUNDO DA COMPETIÇÃO EM MAIO DE 2016 POR INCENTIVO DA TUA MÃE. O QUE TE LEVOU A TOMAR A DECISÃO DE TE INSCREVERES? QUE PROVA FOI ESTA?

 

Inscrevi-me porque era algo diferente, nunca tinha dado o meu melhor numa corrida. Estava curioso também para saber como seria correr no meio de tanta gente. A prova foi o Leiria Run, uma prova que passa nas principais zonas de Leiria. Visto que sou de Leiria e na altura só treinava lá, pensei até que seria muito semelhante ao meu percurso nos treinos, mas mesmo assim houve bastantes surpresas que não estava à espera!

 

tomas prova 1.jpg

 

NA TUA ESTREIA EM PROVAS CONSEGUISTE LOGO O 2º LUGAR NO ESCALÃO JÚNIOR. ESTAVAS À ESPERA? COMO FOI SUBIR AO PÓDIO? 

 

Não estava mesmo nada à espera, fiquei bastante surpreendido. Senti algum nervosismo ao subir ao pódio, acima de tudo porque fui o único que apareci do meu escalão para receber o prémio. Mas senti um grande orgulho ao ver as pessoas a baterem-me palmas.

 

DE MOMENTO, AFIRMAS TER PREFERÊNCIA PELO TRAIL DO QUE PELA ESTRADA. O QUE TE LEVA A PREFERIR OS TRILHOS AO ALCATRÃO?

 

Gosto do Trail porque ali somos nós e os trilhos. Nas provas de Trail é comum muitas vezes termos de andar sozinhos durante algum tempo e isso é algo que eu acho bastante relaxante, o facto de estarmos em contacto com a natureza e podermos ver paisagens fantásticas... Na estrada não há isso, na estrada há um mar de gente focada em tempos, em ritmos e o foco é mais na competição... Eu gosto de fazer estrada mas sou apaixonado pelo Trail!

 

tomas trail.jpg

 

FAZES TREINOS ESPECÍFICOS PARA AS TUAS PROVAS NOS TRILHOS? SE SIM, O QUÊ?

 

Sim, faço! Quase todos os fins de semana tento ir à Serra treinar, de prefrência com bastantes subidas. Normalmente nestes treinos não costumo passar dos 25kms. Entretanto vou começar um outro tipo de treinos, treinos muito mais longos, para me habituar a várias horas na Serra.Em Fevereiro em princípio vou fazer os 50kms no Trail de Conimbriga Terras de Sicó e quero estar bem preparado para o fazer sem problemas.

 

treino tomas.png

 

ATÉ AGORA, POSSUIS NO TEU “CURRÍCULO” 5 PÓDIOS! É ESTRONDOSO! FALA-NOS UM POUCO SOBRE CADA UM DELES. QUAL OU QUAIS TE MARCAM MAIS? EM QUE PROVAS FORAM? 

 

O 1º pódio como referi antes foi no Leiria Run em 2016 e fiquei bastante surpreso.

O 2º foi no Leiria Run 2017, onde obtive o 1º lugar do escalão Júnior e fiquei muito feliz, pois o 2º classificado ficou a 10 minutos de mim o que me fez sentir que estou bastante bem em comparação aos outros.

O 3º pódio foi na 11ª Meia Maratona da Figueira da Foz onde consegui o 1º lugar escalão Júnior também com bastante avanço para o 2º (20 minutos penso eu), o que mais uma vez me mostra que estou bastante bem no meu escalão.

O meu 4º pódio foi na 38ª Corrida das Fogueiras e foi o que me marcou mais porque, para já, nunca tinha competido contra tanta gente do meu escalão (42) e depois o facto de ter feito 3º Júnior no meio de 42 outros júniores e de ter conseguido um pódio numa corrida tão emblemática como a das Fogueiras realmente vai ficar marcado para mim.

O 5º pódio não foi um pódio individual mas sim coletivo, onde a minha equipa (CA Barreira) conseguiu o 1º lugar coletivamente no Trail Curto dos Trilhos Loucos da Reixida, que foi para mim o meu 1º pódio coletivo. Todos estes pódios individuais me sabem bem especialmente sabendo que eu ao conquistar pódios no escalão Júnior onde estou a competir contra mais velhos (18/19 anos) e estou muitas vezes melhor que eles mesmo tendo apenas 16 anos.

 

tomas podio 2.jpg

 

 

DE MOMENTO ENCONTRAS-TE NO 10º ANO E BREVEMENTE IRÁS TER QUE PASSAR PELA FASE DOS EXAMES. COMO PENSAS CONCILIAR OS ESTUDOS E UMA ALTURA TÃO IMPORTANTE NA TUA VIDA COM OS TREINOS E PROVAS? :)

 

Vou ter de arranjar tempo para tudo, mas se tiver de fazer menos corridas assim será. Quero me aplicar na escola assim como me aplico na corrida, penso que vai ter de ser apenas uma questão de organização.

 

QUAIS OS OBJETIVOS FUTUROS NO MUNDO DA CORRIDA?

 

Para já tenho como objetivo daqui a uns anos realizar o Campeonato Nacional de Ultra-Trail e mais tarde o Campeonato Nacional de Ultra-Endurance. Também gostava de participar num campeonato para a minha idade, vamos ver como será para o ano. Acima de tudo tenho como sonho/objetivo realizar/terminar os 170kms do Ultra Trail du Mont Blanc em Chamonix na França.

 

POR FIM, UMA PEQUENA PERGUNTA QUE MUITOS CONSIDERAM DIFÍCL: “TOMÁS, PORQUE CORRES TU”?

 

 

Eu corro porque ao correr posso conviver com os meus amigos, posso conhecer novos amigos, posso observar paisagens que nem todos podem, posso viver novas experiências e novas aventuras...Isso tudo faz-me uma pessoa feliz.

 

TOMAS ULTIMA FOTO.jpg

 

#CasosReais – Nádia Santos – Entrevista a Tomás Estevães – Se ele consegue, tu também consegues!

 

 

 

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D